Com a voz do coração dou as boas vindas e agradeço a visita, porque, a semente mais pura do pensamento, está no coração.





30/09/10

CÉU IMPOSSÍVEL

Imagem Style

ao meu silêncio falo do meu silêncio
dentro de mim falo dentro de ti

no teu silêncio falas ao meu silêncio
dentro de ti falas dentro de mim

e as carícias das tuas mãos
dizem-me que nem os meus olhos
nem os teus olhos se esquecem de além

muito além.muito mais além
do silêncio das nossas bocas

os nossos lábios
sim. os nossos lábios
são pétalas de beijos desfolhados
num céu impossível
mas...

"in" Entre Dois Nós

21/09/10

ANTES

Imagem Google

Antes
no cume do silêncio
o viço da paisagem
entrava nos olhos
enchia a alma
floria serenidade
e alimentava o espírito.

Antes
entre afagos da brisa
e silvos de vendavais
erguiam-se as árvores
deusas primordiais de esperança
a fauna não se tresmalhava assustada
as aves esvoaçavam caminhos
por entre o verde silente.

Antes
à margem do sonho
sobrepunha-se a imagem
da beleza sublime da paisagem no Gerês
fonte de inspiração de poetas
como Miguel Torga que respirava e sorvia
com notabilidade
as sílabas da palavra poesia.

Antes…não agora!
encarava-se qualquer dia
de verão com alegria
sem receio nem preocupação
de ver as nossas florestas
mergulhadas no malévolo
e aterrador inferno de Vulcano.





07/09/10

POEMA TREZE DE SETEMBRO

Imagem alaya_gadeh mil sois
mil luas
mil estrelas
num Setembro recebi de ti
no mais belo poema que vivi
escrito a carícias no cetim do meu corpo
escrito nos meus lábios pelos teus beijos
escrito no meu rosto pelo sol dos teus olhos.

mas...
o destino quis fazer as partilhas da vida
e dele em outro Setembro recebi
o mais triste poema que vivi.

mil lagos
mil rios
mil mares
em mil dores
eu enchi por ti

mil sois
mil luas
mil estrelas
mil dias
mil noites
mil sonos
mil sonhos
eu perdi
e hoje canto mil saudades em mil letras de amor
ao mais belo poema que vivi.

"in" painel multicor volume II