Com a voz do coração dou as boas vindas e agradeço a visita, porque, a semente mais pura do pensamento, está no coração.





20/03/12

[MADRUGADA EM MAR IMENSO]

Imagem da Net

meu amor… sonhei… sonhei…

meu amor. sonhei ser poema sem métrica...

mulher menina na muralha da minha existência

manhã após a madrugada em mar imenso

de vagas tristes e sonhos vagos…

ser o momento escrito no mistério do poema…

mágico moinho do pensamento moendo mansinho

todas as malhas do mal que impera no mundo…

ser tarde melancólica a meditar no mapa da vida…

murmúrio miúdo no movimento de minhas mãos…

milagre do poema transversal que modela

as montanhas do amor…

metamorfose assumida na transmutação do entardecer…

ser noite de lua nova no mês de Maio…

sem matéria alcanço o maravilhoso império

da divindade materna…

sou ser podendo ser um milhão de vezes mãe

mais do que sou em mim…

ser mito de multidões à margem do racional…

canto do pranto de maré em maré…

flor de um beijo furtado ao sol na música

do poema maior... melodia do verso dançando

com as palavras guardadas na memória…

marco místico de um espaço vazio…

alma sem máscara na curva do céu…

ser a maçã que Adão não trincou…

amora… cereja… framboesa e romã…

macedónia de frutos doces...

que o sol e os pássaros beijam mas não ousam morder…

migratória ave em eterna primavera…

fénix em vastos voos renascida das cinzas

contra o muro da morte. mas, meu amor,

sonhei muito mais, sonhei ser poema criança

sem malícia… mitigada mensageira

em múltiplas vidas… macia pétala de margarida

sorrindo da condição humana…

ser mendiga muda a comover o verso

minuto a minuto… membrana transparente

onde se advinha a cor da palavra…

miragem mirabolante medida no desejo

do poema maior.

meu amor… sonhei… sonhei…


Teresa Gonçalves


17 comentários:

  1. podemos ser tudo e ser nada, tanto nos sonhos vividos como nos sonhos sonhados
    bjs

    ResponderEliminar
  2. Lindo poema!...
    Sonhar a realidade...Sonhar a ilusão...
    Beijos.

    ResponderEliminar
  3. Mas é uma jóia aqui postada! Não há limites para esta poetisa em que as palavras lhe escorrem em metáforas de uma beleza ímpar!
    Quando olhamos o sol, ele ofusca-nos.
    Assim fiquei eu!
    Muitos e muitos parabéns querida Tecas. Do mais belo que tenho lido.
    terno abraço

    ResponderEliminar
  4. Tecas,
    Belo e intenso!
    (Ainda um dia daremos vazão aos sonhos)

    Beijo :)

    ResponderEliminar
  5. Tecas minha querida
    Lindo!
    Sonhar com o que desejamos, sonhar com o que não seremos! sonhar comanda a vida quando o sonho não se torna em pesadêlo.

    Bom começo de Primavera e uma feliz noite (já que o dia terminou) de nós blogueiros.

    Beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  6. Sonhos...sonhar...sonhares...menina mulher que tudo pode envolta nas névoas dos sonhos e dos sentires.
    Mas com quem sonha esta menina?Eu não sei,nem o luar...

    Bjssssss,
    Leninha

    ResponderEliminar
  7. lindo poema. Gostei da forma como vc sistematizou as palavras. SONHAR UM AMOR SEMPRE É BOM... BONHE SEMPRE!
    ---
    abraços infinitos.

    ResponderEliminar
  8. E escreve-se um poema de amor sobre o amor que se sonha...
    Fica nas memórias do tempo...
    Lindo....
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  9. Belíssimo

    Pelo sonho é que vamos

    adentro

    ResponderEliminar
  10. Que beleza! "sonhei ser poema sem métrica..."

    Beijinho

    ResponderEliminar
  11. "meu amor… sonhei… sonhei…
    [...]
    mulher menina na muralha da minha existência
    manhã após a madrugada em mar imenso
    de vagas tristes e sonhos vagos…
    ...
    ser tarde melancólica a meditar no mapa da vida…
    ...
    as montanhas do amor…
    metamorfose assumida na transmutação do entardecer…"
    Adorei o teu poema.
    É soberbo.
    Um dos melhores, senão mesmo o melhor, que já escreveste.
    Parabéns, querida amiga.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  12. Que poema maravilhoso, minha amiga!!

    Milhares de abraços!
    Jorge

    ResponderEliminar
  13. ... que esses voos primaveris contribuam, a que nesse deambular da vida, encontres paz e sejas muito feliz: mas sempre.
    Um abraço enorme e tudo de bom para TI

    ResponderEliminar
  14. Sonhar... sempre (porque é bom)!

    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  15. BELEZA

    beleza imensa
    maior do que se pensa
    feita sentir é ela

    uma poesia a vir
    ávida de vida

    trazendo espuma à onda!
    Assim

    REZA

    ah… respiro
    fundo e dele vem
    o mundo todo

    das ondas
    até ao musgo

    na firmeza rocha!
    Mim

    Bjs
    F

    ResponderEliminar