Com a voz do coração dou as boas vindas e agradeço a visita, porque, a semente mais pura do pensamento, está no coração.





17/07/12


UIVAR DOS LOBOS



no tempo do vento advinha-se a angústia
e consome-se a alegria da alma

no tempo do vento roem-se unhas
de olhos espantosamente espantados
cegos pela areia arremessada
de uma assustadora onda corrompida
e inevitavelmente sangram sabugos
no silêncio do abismo

no tempo do vento os olhos são mar de dúvidas
a certeza ficou no uivar dos lobos
obstinadamente lançado à abóbada da dignidade

no tempo do vento
num mecanismo asfixiante
é servida a ausência de novos horizontes.




Teresa Gonçalves 2012/07/04

32 comentários:

  1. O vento traz o tempo grávido de nada...
    Um mar de ar, onde no horizonte "sangram sabugos" roídos pela fome. E bebe-se a água salgada e come-se as algas mortas numa mousse de espuma branca. E os abutres planam as ondas à procura de novas oportunidades!
    Os lobos... esses, continuam a uivar!

    Magnífico Tecas, grande poeta, iluminada!
    Terno abraço

    ResponderEliminar
  2. No tempo do vento, o silêncio é o trovejar da tempestade na distância do sonho...
    Porque os sonhos podem morrer....Por isso, os lobos uivam...
    Lindo...
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  3. Tecas minha qerida
    Excelente poema com palavras que se enquadram muito bem no uivar dos lobos que continuam a destruir e a caçar todas as suas presas.

    Beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  4. Poesia intensa e linda!!beijos praianos,chica

    ResponderEliminar
  5. E no tempo do vento, chegou eu por aqui...
    Olá, Teca. Vim lá da amiga querida Manuela, que pôs-se a falar de ti e me conquistou em vir-te visitar. E eis me aqui. Amo a Manuela de todo coração e o que ela indica, por certo, há de ser bom. E eis que é. Lindíssimo poema do tempo e o vento, que há de trazer sim, em tempo ainda, novos horizontes...

    Prazer enorme, querida, chegar por aqui! Deixo-te um ternurento abraço!

    ResponderEliminar
  6. No tempo do vento acontecem versos construindo um lindo poema.
    Beijos,
    Élys.

    ResponderEliminar
  7. No tempo do vento versos constroem uma bela poesia.
    Beijos,
    Élys.

    ResponderEliminar
  8. O mesmo vento que sacode a minha Rosa Vermelha...

    Essa Rosa Vermelha!!!
    Que veste caminho e quelha,
    É a rainha das flores.
    E paixão pra muitos amores!

    Pelo vento sacusacudidadida,
    Que atiça sem parar.
    Como gente d’alma ferida
    Rota por tanto penar…

    Ressalta a cor e a beleza,
    Fogo, chama ardente,
    Como povo enfurecido!

    Por tanto tempo perdido,
    Numa luta desigual, demente.
    Pedem justiça, tem pobreza…



    Amiga, só tu podes expressar assim tais sentimentos. Obrigado.
    Aceito, emocionado, esse abraço tripeiro... carago!:)))
    Para que a festa fosse completa só faltou ver-te.
    Um grande chi-coração

    ResponderEliminar
  9. a vida só por si já é uma incerteza , mas como os lobos devemos caminhar ainda que para isso seja preciso varias vezes uivar
    beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Querida Tecas que preciosidade de escrito... Amiga estou te esperando no perolas do ostra... lá poesias e poesias e escolhes uma que tocar teu coração. Beijos poéticos n'alma.

    ResponderEliminar
  11. Bem bom, este poema!
    E oportuno!...

    Saudações poéticas!

    ResponderEliminar
  12. Hoje minha postagem falo um pouco de mim
    postei uma entrevista feita por uma amiga de todos nós blogueiros.
    Creio que falei um pouco de tudo sobre mim.
    Espero sua presença para comentar essa postagem.
    Deixei um pedacinho de mim na postagem
    quero compartilhar minha vida com as pessoas que faz parte
    da minha vida.
    Para mim amizade virtual não existe
    a pessoa é aquilo que é na vida real ou virtual.
    Os nossos valores jamais conguiremos esconder
    nem alguns defeitos que todos nos temos.
    Beijos no coração com carinho,Evanir.

    ResponderEliminar
  13. no tempo do tempo, os lobos uivam e são mais livres.

    Beijinhos para ti, minha querida poeta de elite!

    Jorge

    ResponderEliminar
  14. ola boa tarde tecas, muito lindo seu post parabens, conhecer novos amigos(a) é importante para mim, pois adoro novas amizades, que sua quinta seja de harmonia e paz, bjs no coração.
    Vanderlei

    ResponderEliminar
  15. Oieeeee.. passando pra desejar uma linda tarde pra vc.. agradeço sua visita que me fez imensamente feliz...
    Acredito que posso linkar seu blog, se não vc me avisa tá bem rsrs..
    beijos carinhosos

    ResponderEliminar
  16. Olá minha amiga senti teu perfume no ostra da poesia e vim validar teu voto no pena de ouro... domingo será uma festa para anunciar os semifinalistas e segunda começa a votação da semifinal e conto novamente com tua doce participação. Beijos poéticos no teu coração.

    ResponderEliminar
  17. Gostei demais, de tudo, mas principalmente da expressão "no tempo do vento
    num mecanismo asfixiante
    é servida a ausência de novos horizontes". Servir a ausência... excelente. beijos.

    ResponderEliminar
  18. E lobos me fascinam. Gosto muito de animais noturnos, talvezporque eu seja um, no meio de minhas insônias. beijos.

    ResponderEliminar
  19. A amizade é o convívio do dia-a-dia.
    Estar juntas nos momentos felizes e nas horas
    difíceis
    compartilhar o sofrimento
    um do outro( outra) dividir momentos de felicidade.
    È a cumplicidade é compriender e acima de tudo
    confortar quando algum de nossos amigos(AMIGAS)
    precisam de uma unica palavra de carinho para fazer seus dias melhores.
    Não podemos chamar de amigo (A) aquele que sem motivos
    se afasta de nós quando mais precisamos de
    uma palavra de carinho .
    Um feliz Dia do amigo .
    Obrigada por um dia ter colocado mu nome
    na sua lista de amigos(AS).
    Que seu final de semana seja feliz
    sua amiga para sempre,Evanir.
    FELIZ DIA DO AMIGO.
    Evanir..

    ResponderEliminar
  20. A ausência de novos horizontes é amenizada com a saudade... bonitos versos...

    Beijo carinhoso.

    ResponderEliminar
  21. Oi flor! Desculpa a demora para retribuir sua visita ao meu blog! Eu fiquei sem computador por uns ias, mas estou

    de volta!

    Beijinhos

    Te espero no meu blog!

    ResponderEliminar
  22. "no tempo do vento
    num mecanismo asfixiante
    é servida a ausência de novos horizontes"
    Excelente poema (mais um...). O teu talento poético é inegável.
    Beijo, querida amiga Tecas.

    ResponderEliminar
  23. O vento que cega é o mesmo vento que um dia traz a luz para se ver claro, para se desvanecerem as dúvidas.
    Poeticamente achei encantador, a certeza ficar no uivar ds lobos.


    Beijinho

    ResponderEliminar
  24. Olá! voltando em seu espaço... lobos me encantam.... parabéns..
    Desejo a vc um lindo dia cheio de paz...
    beijos carinhosos.
    Lucinha

    ResponderEliminar
  25. Ola querida amiga Tecas
    Hoje é apenas para agradecer a sua carinhosa presença no meu cantinho.
    Muito obrigada!
    Um lindo dia para voce.
    abraço muito amigo
    Maria Alice

    ResponderEliminar
  26. O tempo é poderoso, mágico é sempre sábio em toda sua extensão.
    Grande abraço

    ResponderEliminar
  27. É verdade: tempos de angústias e incertezas. LINDO! beijinhos

    ResponderEliminar
  28. Minha querida

    Os teus poemas têm vida própria cruzam-se dentro da pele...são um rio a transbordar na espuma dos dedos...um mergulho silêncioso que paraliza o sangue...esculpindo as palavras que ficam nas mãos...esperando pelo tempo.

    Um beijinho com carinho
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  29. Olá minha querida
    vim deixar o meu beijinho e uma flor.

    ResponderEliminar
  30. Existe um lugar onde tudo é possivel.
    Onde o amor é verdadeiro.
    Onde se acorda em paz…
    Onde as flores tem um cheiro especial…
    E os abraços vem acompanhados de muito amor.
    Este lugar é meu coraçäo…
    É neste lugar que eu guardo as pessoas que amo .
    E que nunca as esqueço.
    Sou feliz por você morar no meu coração.
    Com carinho e saudades desejo um abençoado final de semana.
    Beijos carinhosos,Evanir.

    ResponderEliminar
  31. Maravilhoso,

    ...no tempo do vento os olhos são mar de dúvidas
    a certeza ficou no uivar dos lobos.

    Beijos e ótima semana!

    ResponderEliminar