Com a voz do coração dou as boas vindas e agradeço a visita, porque, a semente mais pura do pensamento, está no coração.





28/12/10

Imagem da Net

nas pétalas do tempo
sobressai rubra a cor da guerra e da violência
num espelho extenuado de actos repetidos

nas pétalas do tempo
caem folhas de silêncio frio em valas comuns

nas pétalas do tempo
pérolas salgadas transbordam mares

nas pétalas do tempo
voa a pomba da paz de asas cansadas
sem poder pousar

nas pétalas do tempo
rodopia a espécie humana
no circulo da vida em exigências sobrepostas

nas pétalas do tempo
inventou-se o amor,a esperança, a alegria,
o ódio, a ambição, a arrogância, a desconfiança,
a angústia, a fome e o desespero

nas pétalas do tempo
o esquecimento não tem história
nas páginas da história para bem da humanidade

nas páginas do tempo
vestem-se peles diferentes mas a essência é a mesma.
continua...retrocede...retrocede...e continua interminavelmente...

"in" ENTRE DOIS NÓS



A TODOS OS AMIGOS E SEGUIDORES OS MEUS VOTOS DE FELIZ ANO NOVO 2011

20 comentários:

  1. Nas pétalas do tempo, ficarei em cada ano que passo.
    Muito bom, Tecas.
    Um beijo
    C.A.

    ResponderEliminar
  2. Tenho visto nas pétalas do tempo
    voarem pombas da paz de asas cansadas
    sem poder pousar.
    Cuido delas sem as machucar.
    Tenho medo de perdê-las.
    Sabia?
    Haverá o dia em que eu acordarei
    e nao mais as terei.
    E nesse dia, minha amiga...
    Não sei.
    Feliz ano novo.
    Com carinho
    Fátima

    ResponderEliminar
  3. Nas páginas do tempo encontre a rosa suas pétalas! Bjs

    ResponderEliminar
  4. Uma beleza de poema!
    Um óptimo ano para ti, Tecas. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  5. Nas pétalas do tempo, fique a beleza da mensagem do teu poema, amiga.
    Feliz ano novo, Tecas.
    Beijos
    Catarina

    ResponderEliminar
  6. Olá, amiga,

    como tem passado do Natal para cá?

    Hoje passo simplesmente para lhe desejar

    BOM ANO de 2011.

    Saudações poéticas

    ResponderEliminar
  7. Mas que nunca se apague a Esperança!

    Um Bom 2011!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Continuará a rodopiar a espécie humana nas pétalas do tempo:)Bonito rodopio o teu poema.
    Beijos.
    Um bom Ano 2011, amiga.
    Jorge Santos

    ResponderEliminar
  9. Trago-te pétalas, como agradecimento pelas visitas lá em "casa" e deixo, para o ano que começa, um trilho de sonho cheio de poesia.
    Bjs.
    M.M.

    ResponderEliminar
  10. Olá feliz 2011! Parabéns pelo vosso blog!
    Quero hoje que você possa conhecer o trabalho feito no Folhetim Cultural que é o blog pelo qual sou responsável este abaixo é o endereço:
    informativofolhetimcultural.blogspot.com
    amanhã sábado 1º dia do ano, iremos voltar com publicações.
    Ás 9 horas da manhã minha coluna poética
    Às 13 horas O Poeta entrevista quadro de entrevista
    e ás 17 horas Chá das 5 onde um poeta colaborador escreve uma coluna poética. Ao longo da semana atualizações são feitas com noticiário cultural, espero que possa contar com seu apoio nessa empreitada e que possa opinar sobre o nosso trabalho agradeço a atenção lhe desejo um ano super!

    Magno Oliveira
    Folhetim Cultural

    ResponderEliminar
  11. Olá Tecas, bonito poema.
    Pétalas perfumadas de esperança

    Feliz Ano Novo

    Beijo

    ResponderEliminar
  12. Olá Tecas, pétalas de felicidade para ti neste Ano de 2011.
    Bonito poema.
    Beijos
    Helena P.

    ResponderEliminar
  13. Nas pétalas do tempo há momentos em que as palavras florescem.
    BOm ano para ti, amiga !

    ResponderEliminar
  14. Um poema muito lúcido. Que nos faz pensar.
    Um beijo.
    Que 2011 seja um ano Bom.

    ResponderEliminar
  15. Querida Tecas, o teu poema é fabuloso. Gostei imenso das tuas palavras. Parabéns.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  16. Com satisfação, leio cada poema seu. Uma poetisa atenta ao mundo. Gostei imenso.
    Abraço amigo do seu admirador,
    José Pedro

    ResponderEliminar
  17. Tecas,
    sabe bem, alimentar me das palavras do texto onde a poesia vive no tempo...

    Parabéns. Gosto de olhar a tua alma, abençoada Poetisa:)

    beijos!!

    ResponderEliminar
  18. querida tecas, agora em janeiro, quero mesmo estar consigo... não vamos adiar mais :) beijo enorme por ser tão poeta e amiga!

    ResponderEliminar
  19. Olá, viva!

    Vamos a ver se as pétalas do tempo

    nos trazem melhores dias,

    para o ano que agora começa.

    As minhas saudações

    com votos de BOM ANO para si em 2011!

    ResponderEliminar
  20. BELOS POEMAS!É ESTRANHO, MAS É VERDADE, QUE O QUE SALVA ALGUNS DE NÓS É A FASCINAÇÃO DOS CLARÕES QUE VAMOS ENCONTRANDO, E QUE, SE DESBARALHAM DO ENORME BARALHO DE CARTAS QUE É UMA MULTIDÃO CINZENTA, CHEIA DE RESIGNAÇÕES CONTRARIADAS.
    OBRIGADA PELA PARTILHA.
    MIRANDULINA

    ResponderEliminar